terça-feira, 18 de janeiro de 2011

[vozes brancas* #37] aprender a cantar ou aprender cantando...

video
A escolinha onde aprendem os nossos afilhados...
(Nampula, Moçambique)

Talvez boa parte dos meus queridos amigos que gentilmente me vêm visitar aqui ao mato não tenha a perfeita noção de que na enorme maioria dos lares moçambicanos não é português que se fala, mas a língua local (no caso de Nampula é o Macua, noutras regiões será uma das outras vinte línguas locais). Em família, na rua, nos mercados, na vida do dia-a-dia é a língua mãe e não a língua oficial que predomina. E desta circunstância resulta que as crianças, quando vão para a escola e começam a aprender a ler em Português, aprendem a ler e escrever numa língua que para elas é estrangeira... caminho mais que certo para o insucesso escolar! Daí a importância de mandar estes meninos para o jardim infantil, a escolinha como eles lhe chamam, onde aprendem a falar Português para pelo menos começarem do zero na escola primária e não menos do que isso...

Curiosamente não é proibido falar Macua na escolinha. Não é preciso! Há um controlo social muito mais apertado e eficaz: se alguma criança começa a falar Macua a outras começam a gozar com ela e apontam-lhe o dedo: "Está a falar Macua, está a falar Macua!"

E haverá melhor maneira de ensinar uma criança a falar do que cantando? Estas são as primeiras lições: "Boa tarde, meninos, como estão?" "Tudo bem!"

* Timbre da voz de uma criança antes da puberdade.

Sem comentários:

Enviar um comentário